Saiba Mais: Autores indígenas da literatura infanto-juvenil

Escrito pelo autor indígena Cristino Wapichana, A Boca da Noite ganhou o 3º lugar do Prêmio Jabuti e o prêmio de melhor ilustração na FNLIJ, em 2017. No livro, o menino Kupai conta como é o cotidiano de uma criança na comunidade wapichana, um dos mais de 300 povos indígenas que vivem no Brasil. 

  • 40 páginas. Editora Zit

 

 

Por sua vez, o livro Um dia na aldeia, do escritor Daniel Munduruku, conta a rotina do menino Manhuari da tribo Munduruku. O relato começa no raiar do sol, passa pela caça, pelos jogos até chegar à hora da história. Daniel Munduruku é formado em filosofia, doutor em Educação e autor de mais de quarenta livros, muitos deles premiados.

  • 31 páginas. Editora Melhoramentos

 

 

Página inicial